SÃO MATEUS – Comissão apresenta a candidatos a prefeito(a) conjunto de propostas para agropecuária e estrutura rural

1002

Uma comissão de produtores rurais de Nova Verona e Nestor Gomes elaborou um documento, nominado AgroSama, que está sendo apresentando em reuniões com candidatos a Prefeito(a) de São Mateus. São listadas diversas ações de estrutura da zona rural e do setor produtivo da agropecuária.

“O projeto foi elaborado com base nas experiências que tivemos este ano e com a experiência adquirida ao longo da vida e do cotidiano rural; um toque de administração eficaz, sem onerar os cofres públicos”, afirma a líder da comissão, produtora rural Neia Boroto Merlin.

Ela afirma que o documento foi elaborado, porque a comissão de produtores rurais vinha recebendo a visita de vários pré-candidatos à Prefeitura de São Mateus, “para ouvi-los e reivindicar melhorias e soluções para nossa zona rural”. E prossegue: “Elaboramos tal projeto e decidimos tornar público e disponível para qualquer candidato que queira o bem desse setor produtivo”.

Segundo Neia, o entendimento é que, além de criticar e brigar por direitos, é preciso apresentar soluções.

Confira a íntegra do documento:

PROJETO AGROSAMA

Objetivos:

-Desenvolver e potencializar toda a agropecuária de São Mateus, fazendo-a despontar;

-Promover intercâmbio entre municípios, estados, zona rural e urbana;

-Restabelecer a autoestima dos mateenses.

Planejamento 2021 a 2030

-Recuperar e organizar em primeiro momento o maquinário da secretaria de agricultura (2 a 3 meses) e toda a secretaria;

-Trabalhar conjuntamente e se possível lado a lado com as secretarias de agricultura/pecuária/pesca e meio ambiente, visando dar agilidade as demandas do setor produtivo;

-Montar equipes de maquinário de forma funcional.

  • Exemplo: 1 equipe para os Kms, com base no Km 41 com o seguinte maquinário: 2 motoniveladoras; 1 carregadeira; 1 escavadeira hidráulica; 1 retroescavadeira; 2 caçambas; 1 caminhão pipa; 1 rolo compactador; 1 caminhão prancha com munck (para transportar a escavadeira hidráulica, materiais para calçamento, manilhas, etc.
  • Outra equipe com o mesmo maquinário para a região de Guriri e adjacências.
  • Também é preciso uma equipe emergencial para atendimento rápido, permanecendo na sede da Secretaria de Agricultura: 1 retroescavadeira; 1 motoniveladora e 1 caçamba.

-Produzir água, trabalhando com o projeto olhos d’água e construção de represas, evitando com isso em época de seca a água ficar salgada na cidade e a zona rural não produzir alimentos, da seguinte forma:

  • Cercar, desassorear os nascentes e canalizar para as casas e represas do interior, tratando assim a água da zona rural;
  • Construir represas para produtores, da seguinte forma: a prefeitura entra com o maquinário e o produtor com óleo diesel e alimentação para os operadores e todas as licenças ambientais ( essa parte os técnicos das secretarias podem auxiliar);
  • Tratar os esgotos da zona rural com fossas evapotranspiradoras, pois não adianta produzir água se ela estiver poluída. Para tudo isso a equipe de máquinas deve constar de: 1 escavadeira hidráulica; 1 carregadeira; 2 caçambas; descentralizar as atividades montando uma subprefeitura no km 41 ( forte demanda de serviços e alta produção agrícola) e outra em Guriri (atendimento aos produtores adjacentes, Porto Petrocity, comunidades vizinhas) com todos os serviços para atender os produtores rurais;

-Pavimentar as estradas principais e com alta produção agropecuária na zona rural, através do projeto caminhos do campo, calçamento, etc, valorizando a zona rural da mesma forma que a urbana, com os mesmos benefícios. Também, cascalhar, compactar, reabrir as estradas onde for necessário, através de estudos e levantamento por GPS de todas as estradas do município (esse levantamento por GPS, beneficiará a tomada de decisões para contratação de transporte escolar, planejamento eficaz dos serviços rurais, com transparência na execução, podendo ser acompanhado de forma on-line com a inclusão de GPS nos maquinários, através de sistema que ficará disponível na página da secretaria , etc);

-Construir pontes, bueiros, passarelas no interior onde houver demanda;

-Desenvolver o agroturismo de forma a integrar campo e cidade, gerando emprego e renda;

-Ampliar, equipar, adequar e modernizar todas as escolas da zona rural para que as crianças do interior tenham as mesmas oportunidades das da cidade e também inserir cláusula no edital de licitação para os ônibus do interior serem traçados e com ar condicionado, pois as crianças não estão chegando à escola em tempos de chuvas e com a poeira chegam sujas, devido às janelas andarem abertas;

-Instalar uma escola militar em tempo integral para atender os Kms;

-Dar condições de segurança no interior com patrulha rural, ampliação e instalação de torres de telefonia, internet rural e desenvolvimento do sistema integrado junto a polícia com botão de emergência;

-Construir e instalar uma unidade de pronto atendimento (UPA) no km 41 ou km 35, funcionando 24 horas para atender os Kms, com clínico geral, pediatra e dentista;

-Reativar o Ceasa Norte, com um gestor eficiente e isento, para dar oportunidade à todos os produtores do município aumentar sua renda e desenvolver a agropecuária da região Norte e Noroeste do ES, porém dando suporte técnico aos produtores através do incaper, Senar, Emater, Sebrae, etc

-Manter o consórcio de municípios ativo – Prodnorte;

-Promover exposições e feiras, como por exemplo a festa da cidade com uma grande exposição agropecuária e valorização dos artistas da terra;

  • Feira estadual do café, nos moldes da semana internacional do café (SIC), e em outra data fazer uma feira só de especiarias que o município produz e dos artesanatos.

-Fazer acordo de recuperação do Rio Cricare com os municípios de Nova Venécia ES e Barra de São Francisco para tratar, arborizar e cercar as margens do rio, criando um corredor ecológico;

  • Buscar a federalização do Rio Cricaré, conversando com o governo mineiro e os municípios que são banhados pelo Rio, visando com isso recursos federais e estaduais para implementar a recuperação do mesmo;
  • Construir barragens ao longo do Rio, visando reservar água para os períodos de seca em parceria com os demais municípios e também desenvolver a produção de peixes em tanques rede;
  • Desenvolver os esportes náuticos, visando olimpíadas e retirar crianças, jovens da marginalidade e também promover o município em âmbito nacional e internacional.

-Construir reservatórios de água em todos os rios que banham e cortam o município de São Mateus, visando reservar água para os períodos de escassez hídrica e para aumentar o lençol freático;

Fonte de recursos

-Municipal, Estadual, Federal, através de instituições voltadas para cada fim

-Empresas que geram grande impacto ambiental, exemplo, Petrobras, Suzano, etc

-ONGs

-Particulares

-Colaboradores

-Comissão de estradas rurais

Elaboração e edição: ILDINEIA BOROTO MERLIN – Administradora e Produtora Rural

CENSURA ZERO – AQUI TEM CONTEÚDO! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA

COMENTE ESTA NOTÍCIA!