Após pedir por cesárea, mulher grávida morre em banheiro de hospital durante parto natural

494
REPRODUÇÃO RECORD TV

Uma mulher morreu durante um trabalho de parto no Hospital Público Santo Antônio, localizado na zona leste de São Paulo. A grávida teria passado mal durante o procedimento e acabou não resistindo.

De acordo com o portal R7, a vítima teria solicitado aos médicos a realização de uma cesárea, mas não foi atendida. Os profissionais disseram para que a mulher aguardasse o nascimento natural do bebê.

O fato ocorreu no sábado (14/09). A mulher faleceu durante um banho, sugerido por enfermeiras. Uma cesariana foi feita às pressas para a retirada do bebê, que foi encaminhado para a Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) Neonatal. A criança passa bem.

LEGISLAÇÃO

Em resposta, o Beneficência Portuguesa de São Paulo, que administra o Hospital Público Santo Antônio, disse que não comenta publicamente casos envolvendo pacientes. Já o hospital afirma que entrou em contato com a família da paciente e disponibilizou o prontuário médico, mas a família diz que recebeu apenas o atestado de óbito. 

O Governador de São Paulo,João Dória, sancionou há menos de um mês uma lei estadual que garante às gestantes a possibilidade de optar pelo parto cesariana a partir da 39ª semana de gravidez.

CENSURA ZERO – AQUI TEM CONTEÚDO! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA | COM INFORMAÇÕES DO R7

COMENTE ESTA NOTÍCIA!