Apresentador da Record denuncia intolerância religiosa em carro de app: ‘evangélico’

201

Fábio Ramalho, um dos apresentadores da RecordTV, em São Paulo, denunciou um caso de intolerância religiosa, cometido por um motorista de um aplicativo. O condutor teria gritado ‘’Evangélico’’. 

Conforme o jornalista, ela acionou um carro para levado até o local de trabalho, a RecordTV. Em dado momento, diz Ramalho, o motorista parou o carro por alguns minutos. Ele questionou a interrupção da viagem e disse que iria cancelar a viagem. 

‘’Ele me expulsou do carro aos gritos de ‘evangélico’’, lamentou o profissional. Assim que chegou à sede da emissora, foi para um distrito policial registrar a queixa. 

Fábio disse que em nenhum momento citou qual é sua religião durante a viagem, mas acredita que o destino final, a Record (que pertence à Igreja Universal do Reino de Deus), possa ter motivado o preconceito. 

Até isso acontecer a gente acha que as pessoas não tem preconceito nenhum”, explicou Fábio Ramalho à coluna da jornalista Fábia Oliveira, de O Dia. 

CENSURA ZERO – AQUI TEM CONTEÚDO! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA

COMENTE ESTA NOTÍCIA!