CARONA DO TERROR – Homem é assaltado e amarrado em plantação de eucalipto depois de pegar carona no norte do ES

1220

Um homem viveu momentos de tensão e terror ao pegar uma carona de Pedro Canário com destino a São Mateus. Ele acabou assaltado pelo motorista e o passageiro que o acompanhava, além de ser abandonado com pés e mãos amarrados numa plantação de eucalipto, na zona rural de Conceição da Barra.

O boletim de ocorrência da Polícia Militar registra que os crimes de roubo e de restrição de liberdade ocorreram às 11h30 dessa sexta-feira (17/01), à margem da BR-101. A vítima, de 26 anos, foi identificada apenas pelas iniciais R.S.

Conforme policiais militares da 2ª Companhia de Conceição da Barra, quando a viatura chegou ao local, encontrou a vítima ainda amarrada, após receber carona na cidade Pedro Canário, à margem BR-101.

“Durante o trajeto, já nas proximidades da comunidade Paraíso, em Conceição da Barra, a dupla que ocupava o veículo Gol G4, de quatro portas, cor prata, com um som mecânico no porta-malas e placas da Bahia, sem especificação da cidade de registro, adentrou em área de plantio de eucaliptos, o que gerou a suspeita por parte da vítima”, destaca o boletim de ocorrência.

MOMENTO DO ASSALTO

A vítima disse que o motorista e o comparsa alegaram que estava pegando o desvio para fugir da fiscalização na base da Polícia Rodoviária Federal. Em determinado momento, decidiram parar com o pretexto de urinar, e anunciaram o assalto usando uma arma de fogo. O carona foi golpeado na cabeça e sofreu ameaças de morte.

Em seguida, ainda conforme a PM, os criminosos tomaram os pertences pessoais dele e o amarram, usando a camisa do motorista. Também foi improvisada uma mordaça com a própria roupa da vítima, para evitar que ele gritasse pedindo socorro.

Segundo a vítima, a dupla fugiu com o carro em direção a São Mateus e, após se desvencilhar das amarrações da perna, conseguiu se aproximar da margem da BR-101, onde pediu ajuda a um grupo de trabalhadores que atuam na manutenção da rodovia. O homem entrou em contato com o pai dele, em Pedro Canário, para onde retornou com a ajuda dos policiais.

A PM relatou que as informações sobre os criminosos foram passadas via rádio para um possível cerco policial, mas nenhum suspeito foi encontrado.

CENSURA ZERO – AQUI TEM CONTEÚDO! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA

COMENTE ESTA NOTÍCIA!