Open chat
Olá, seja bem-vindo(a) ao portal CENSURA ZERO!
-Faça seu cadastro para receber Boletins Informativos em Transmissão pelo WhatsApp e autorizar o envio de notícias!
-É simples, rápido e seguro, nos termos da nossa Política de Privacidade, disponível no site.
-Deixe seu NOME COMPLETO e a CIDADE onde mora!
Obrigado e volte sempre!

Cássio define como ‘grande, estratégico e audacioso’ projeto de porto e ferrovia da Petrocity

O empresário Cássio Caldeira classifica como “grande, estratégico e audacioso” o megaempreendimento da Petrocity, que inclui o Centro Portuário São Mateus (CMSM), em Urussuquara, e a Estrada de Ferro Minas-Espírito Santo (EFMES).

“É o maior investimento privado que se tem notícia, até o presente momento, no país. Um presente para a nossa região e para o Espírito Santo”, afirma o diretor da Qualimec, que integra a diretoria da Associação Empresarial do Litoral Norte do Espírito Santo (Assenor). A despeito de algumas poucas opiniões contrárias ao investimento, Cássio afirma que o mesmo ocorreu com relação à usina hidrelétrica de Belo Monte, no Sudoeste do Pará, uma obra que foi orçada em 26 bilhões de reais.

“Sabemos que um dos grandes problemas do País é a carência de energia e havia oposição. Mas ninguém pode segurar o progresso. Por isso eu sempre digo que o mundo é dos otimistas, os pessimistas são meros espectadores. Sabe por que o projeto Petrocity vai virar realidade? Primeiro porque não depende de dinheiro público. E, segundo, porque a sociedade já abraçou. Já há uma grande expectativa para o início das obras. Precisamos dessa obra”, destaca Cássio.

Ele afirma que conhece o projeto, também avaliado por ele como “inovador, audacioso, muito bem planejado”. E explica: “Pensaram no social e no meio ambiente. O presidente, o senhor José Roberto Barbosa da Silva, tem mostrado ser um grande gestor e tem conduzido todo o projeto de forma inovadora e brilhante. Precisamos do apoio do Governo do Estado, para agilizar e dar prioridade para a liberação das licenças ambientais”.

FERROVIA

Uma dos lideres empresariais do setor metalmecânico no Estado, o empresário Cássio Caldeira salienta que a EFMES é “outro grande e audacioso projeto, que tem como objetivo ligar o Norte do Espírito Santo até Confins, em Minas Gerais”.

Ele lembra que o projeto já foi apresentado ao Governo Federal, sendo também “abraçado pelo governo mineiro”. Cássio acredita que, juntamente com a cadeia produtiva de petróleo e gás, o porto e a ferrovia “irão mudar totalmente a realidade econômica e social do Norte do Espírito Santo”.

CENSURA ZERO – REDAÇÃO MULTIMÍDIA

COMENTE ESTA NOTÍCIA!

Open chat
Olá, seja bem-vindo(a) ao portal CENSURA ZERO!
-Faça seu cadastro para receber Boletins Informativos em Transmissão pelo WhatsApp e autorizar o envio de notícias!
-É simples, rápido e seguro, nos termos da nossa Política de Privacidade, disponível no site.
-Deixe seu NOME COMPLETO e a CIDADE onde mora!
Obrigado e volte sempre!