De novo, Tite?! Pouco inspirado e sonolento, Brasil empata com a Nigéria em 1 a 1

369

A Seleção Brasileira voltou a campo na manhã deste domingo (13/10), no Estádio Nacional de Singapura, para enfrentar a Nigéria em partida amistosa. Mais uma vez, a equipe do técnico Tite teve pouca inspiração e apenas empatou: 1 a 1. O público também decepcionou. Foram apenas 20.305 presentes.

Este foi o quarto jogo sem vitória da seleção, que já tinha empatado em 0 a 0 com Senegal na última sexta-feira. Além desses jogos, o Brasil perdeu para o Peru por 1 a 0 e empatou em 2 a 2 com a Colômbia, ambas partidas foram disputadas em setembro, nos dias 11 e 06 respectivamente. A última vitória foi a do título da Copa América, no Maracanã, no dia 07 de julho (3 a 1 contra o Peru).

PRIMEIRO TEMPO

Logo aos dois minutos de jogo, o atacante Roberto Firmino recebeu uma bola na áera, fez o pivô, girou bonito e bateu. A bola passou à direita do goleiro nigeriano com perigo. A Nigéria respondeu logo na sequência. Dois minutos depois, Osimhen chutou de canhota e Ederson fez ótima defesa. Aos 7 minutos da primeira etapa, Neymar sentiu uma lesão na coxa esquerda. O craque até tentou, mas não conseguiu permanecer em campo e acabou substituído, dando lugar ao meia Philippe Coutinho.

A seleção africana voltou a assustar aos 18 minutos. Em cruzamento na área, Marquinhos tentou cortar a bola e quase fez contra. O Brasil ficou rodando a bola, mas com muita lentidão e pouca criatividade. Tanto que a seleção só voltou a assustar aos 27 minutos, com Grabriel Jesus, e aos 29 minutos, com Roberto Firmino novamente.

Mas foi a Nigéria que abriu o plarcar aos 34 minutos. Após bela troca de passes, Simon dominou pela direita e acionou Aribo dentro da área. O atacante bateu com força e não deu chances de defesa para Ederson, que nada pôde fazer: 1 a 0. No fim, o Brasil pressionou com Gabriel Jesus, em chute cruzado, e Philippe Coutinho de falta.

SEGUNDO TEMPO

No intervalo, o técnico Tite colocou Richarlison no lugar de Éverton Cebolinha. Aos 3 minutos, em jogada trabalhada após cobrança de escanteio, Daniel Alves cruzou para Marquinhos, que mandou a bola na trave. No rebote, Casemiro dominou bem e conseguiu fazer o gol de empate do Brasil.

Mais ligado na partida, a seleção passou a impor um pouco melhor o seu ritmo. Aos 11 minutos, Gabriel Jesus cabeceou à queima roupa, mas Uzoho fez grande defesa. Aos 16 minutos, Gabigol entrou no lugar de Roberto Firmino. O ímpeto do início diminuiu e o Brasil voltou a ser sonolento no jogo.

Tite continuou tentando e colocou Fabinho no lugar de Arthur, mas a seleção só voltou a assustar aos 40 minutos. Richarlison deu excelente passe para Renan Lodi, que rolou para Philippe Coutinho na marca do pênalti. O meia bateu rasteiro e a zaga nigeriana tirou em cima da linha. A Nigéria respondeu no minuto seguinte. Chukwueze ficou com a sobra de um cruzamente e chutou forte, mas Ederson fez boa defesa. E o jogo ficou mesmo em 1 a 1.

CENSURA ZERO – AQUI TEM CONTEÚDO! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA | FONTE: SITE RÁDIO TUPI

COMENTE ESTA NOTÍCIA!