ELEIÇÕES 2020 – Duzinho é escolhido vice de Laurinho Barbosa em aliança de PSL, DEM, PSC e PTC em São Mateus

879
Delcimar Oliveira (presidente do PSL), João Folha (presidente do DEM), Duzinho (candidato a vice-prefeito), Laurinho Barbosa (candidato a prefeito), Temístocles Rocha (presidente do PSC) e Ralfe Luiz da Silva (presidente do PTC): coligação Unidos pela Reconstrução de São Mateus.

O economista e gestor ambiental Eduardo Rodrigues da Cunha, o Duzinho (DEM), será o candidato a vice-prefeito na chapa encabeçada pelo ex-vereador Laurinho Barbosa (PSL) na coligação Unidos pela Reconstrução de São Mateus, formada por PSL, DEM, PSC e PTC. O anúncio foi feito ao CENSURA ZERO nesta sexta-feira (25/09) pelo presidente do PSL, Delcimar Oliveira.

“A intenção do PSL era fazer uma junção dos partidos de direita em São Mateus, com a apresentação de candidaturas a prefeito e vice-prefeito. Cremos que fizemos uma boa aliança, com o DEM lançando Duzinho como candidato a vice-prefeito com Laurinho Barbosa, do PSL”, afirmou Delcimar. Ele disse que os encaminhamentos para registro das candidaturas foram feitos nessa quinta-feira (24/09). O presidente da coligação é Keydson Quaresma Gomes (DEM).

Acompanhado do secretário do PSL Antônio Pichara, o presidente Delcimar Oliveira esteve na Redação do CENSURA ZERO, para apresentar o candidato a vice-prefeito Duzinho, que comemorou a oportunidade de compor chapa majoritária com Laurinho Barbosa.

“O DEM é um grande partido, o PSL também. E hoje São Mateus está precisando de uma coisa consistente para elevar esse município para o desenvolvimento que ele merece ter. Nós somos o segundo município mais antigo do Espírito Santo e está dormindo há um bom tempo. Laurinho é filho da terra, foi policial rodoviário federal, foi vereador, uma pessoa íntegra. Eu e a minha família estamos aqui há quatro gerações ou mais, seguindo a mesma linha, ou seja, trabalhar em prol do desenvolvimento de São Mateus”, salientou Duzinho.

Eduardo Rodrigues da Cunha, 64 anos, é formado em Economia e Gestão Ambiental. Foi secretário de Meio Ambiente e subsecretário de Agricultura em São Mateus: “A população de São Mateus pode ficar tranquila em relação a essa chapa. Somos dois filhos da terra. Não existe ‘um nada’ que risque o nome da família Cunha em São Mateus. Estamos aqui desde a época do Barão dos Aymorés, que é meu tataravô; depois vieram meu bisavô, meu avô, meu pai, eu, minhas filhas e minhas netas. Então, nós não temos chance de fazer nada de errado dentro do nosso Município. São Mateus é a nossa casa, e a gente tem que cuidar da nossa casa”.

Keydson Quaresma Gomes (presidente da coligação Unidos pela Reconstrução de São Mateus), Laurinho Barbosa (candidato a prefeito), Duzinho (candidato a vice-prefeito), Temístocles Rocha (presidente do PSC) e Ralfe Luiz da Silva (presidente do PTC).

LAURINHO LAMENTA MUITOS CANDIDATOS

Em entrevista ao CENSURA ZERO, o candidato a prefeito Laurinho Barbosa disse que recebeu com “satisfação” a definição de Duzinho como candidato a vice-prefeito, salientando que o PSL “trabalhou muito a ideia de, mesmo com vários partidos, não se lançar muitos nomes”, mas não houve consenso.

“Infelizmente, o ego das pessoas falou muito mais alto, o orgulho, a vaidade… Começaram a sair cedo com carreira solo, então dificultou bastante as nossas conversas. Nós fomos o último partido a apresentar o candidato a vice-prefeito, porque tivemos muitas conversas entre o PSL, DEM, PSC e PTC. Formamos uma base muito boa, com quatro partidos. Uma junção católicos e evangélicos pela reconstrução da nossa cidade”.

Laurinho destacou que ele e Duzinho são “mateenses autênticos”, focados em mostrar para o povo que ainda é possível acreditar nos políticos: “Essa dupla vem para fazer a grande diferença na política de São Mateus”.

CENSURA ZERO – AQUI TEM CONTEÚDO! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA  

COMENTE ESTA NOTÍCIA!