ELEIÇÕES 2020 – Pesquisa da Futura ignora candidato e é recebida com ‘muita desconfiança’ em São Mateus

-

Uma pesquisa do Instituto Futura, publicada pela Rede Vitória na quinta-feira (13/11), foi recebida com “muita desconfiança” em São Mateus, na reta final das Eleições 2020.

Os motivos listados são de suposto favorecimento ao atual prefeito Daniel Santana (PSDB), candidato à reeleição, nos números apresentados e uma situação ainda mais grave: o nome do candidato Hubistenyo Cajá (PSD), simplesmente, foi ignorado no levantamento dos dados.

Escrito em letras maiúsculas, um texto questionando a pesquisa registra ampla circulação na manhã desta sexta-feira (13/12) em grupos de WhatsApp: “DIANTE DA PIOR AVALIAÇÃO POPULAR DA HISTÓRIA DE SÃO MATEUS, PREFEITO DANIEL COMPRA PESQUISAS REALIZADAS POR INSTITUTO FUTURA PRA DIZER QUE ESTÁ NA FRENTE”.

Os dados da pesquisa da Futura são contestados pelos candidatos opositores a Daniel, que afirmam que “os números não traduzem o que tem sido observado nas ruas de São Mateus”.

Pela pesquisa Futura/Rede Vitória, o atual gestor teria 35% das intenções de voto na menção estimulada, seguido de Carlinhos Lyrio (20,5%), Ferreira Júnior (14,5%), Nilis Castberg (3,3%), Laurinho Barbosa (3%), Eneias (2,3%), Eliezer Nardoto (2%), Dr. Mauro (1,8%), Cida Negris (0,5%), Não Sabem-Não Responderam-Indecisos (0,8%) e Ninguém-Brancos-Nulos (6,5%).

A pesquisa, no entanto, não registrou oficialmente nos resultados o nome do candidato Hubistenyo Cajá, devidamente registrado no Tribunal Regional Eleitoral pela coligação Por um São Mateus Melhor, formada por PSD e PMB.

“MUITO IMPARCIAL”

Em contato com o CENSURA ZERO, a assessoria de Hubistenyo Cajá afirmou que repudia a pesquisa do Instituto Futura, frisando “que ela não condiz com a realidade das ruas”. Hubistenyo Cajá e Adones Fontes estão mais firmes e fortes do que nunca para a eleição deste domingo”, afirmou a assessoria.

A assessoria da campanha de Hubisteny fez uma convocação aos eleitores: “Vamos às urnas com consciência no intuito de escolher o melhor para São Mateus. Não acreditem nas pesquisas fraudulentas e mentirosas”.

Um apoiador do candidato do PSD também contestou a elaboração e o resultado da pesquisa Futura/Rede Vitória, considerando-a “muito imparcial”.

“Temos muita desconfiança com relação a esta pesquisa, é muito imparcial. Como não registrar a intenção de votos de um dos candidatos concorrentes? Gostaria de saber a explicação que eles têm para isso!”, afirmou um apoiador o candidato do PSD.

OUTROS CANDIDATOS

As campanhas de Carlinhos Lyrio (Podemos) e Ferreira Júnior (Solidariedade) pregam a “falta de credibilidade da pesquisa”, defendendo o voto útil neste domingo (15/11) como forma de mudar a administração em São Mateus.

Outros candidatos que também contestam a pesquisa da Futura foram Laurinho Barbosa (PSL), Dr. Mauro Peruchi (Rede) e Eliezer Nardoto. “Não acreditem nessas pesquisas compradas e fraudulentas. A história é outra”, disse Laurinho nas redes sociais.

O OUTRO LADO

O CENSURA ZERO disponibiliza espaço para o posicionamento do Instituto Futura diante das contestações feitas por candidatos a prefeito e apoiadores em São Mateus.

CENSURA ZERO – AQUI TEM CONTEÚDO! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA

spot_imgspot_img
spot_img

OUTROS DESTAQUES:

Open chat
Olá, seja bem-vindo(a) ao portal CENSURA ZERO!
-Faça seu cadastro para receber Boletins Informativos em Transmissão pelo WhatsApp e autorizar o envio de notícias!
-É simples, rápido e seguro, nos termos da nossa Política de Privacidade, disponível no site.
-Deixe seu NOME COMPLETO e a CIDADE onde mora!
Obrigado e volte sempre!