FORÇA DA MULHER – PV define Cida Negris como 1ª candidata a prefeita da história de São Mateus

2282
O presidente municipal do PV, Herikson Locatelli, com a candidata a prefeita Cida Negris e o candidato a vice-prefeito Jarilson Lopes: "Queremos dar voz à mulher".

A atriz, produtora cultural e professora Cida Negris, de 55 anos, é a primeira mulher a ser confirmada como candidata a prefeita nos 476 anos de São Mateus. A informação do ato histórico foi dada em entrevista exclusiva do presidente municipal do PV, Herikson Locatelli, ao CENSURA ZERO, no início da tarde desta quarta-feira (23/09).

“Diante do cenário político e percebendo a tentativa de tirar a mulher de ser uma das protagonistas deste pleito eleitoral de 2020, o PV reconheceu a necessidade de não deixar a mulher se calar, e lançar a primeira candidata a prefeita da cidade de São Mateus”, afirmou Herikson, confirmando o servidor da Ufes Jarilson Lopes, 41 anos, como candidato a vice-prefeito.

Ele acrescentou que “o PV não se sentiu confortável com o que ocorreu na convenção do PSB em relação à possibilidade de apresentação de uma candidatura majoritária feminina”, que teria seu apoio e do partido. “Não poderíamos ser omissos. Não reagir a isso seria o mesmo que mandar a mulher que apanhou do marido voltar para casa”, afirmou Herikson, reforçando a inspiração no protagonismo de Elisângela Nascimento, a Preta, na pré-campanha eleitoral.

Herikson adiantou que a apresentação oficial da chapa Cida-Jarilson será realizada no próximo domingo (27/09), na abertura do período de campanha eleitoral, em live na página oficial do PV São Mateus [clique aqui]. Cida Negris é a presidente do PV Mulher em São Mateus e compõe a Coordenação Estadual.

O PV registrará também chapa com 10 candidaturas a vereador(a), já homologadas em convenção realizada no dia 16 de setembro, na Câmara Municipal: “Nós queremos, primeiramente, dar voz à mulher. E o PV traz uma chapa de pessoas que são cidadãos comuns e a gente deseja que o povo represente o povo. Durante todo esse tempo, nós tivemos empresários à frente da Prefeitura representando o povo. Mas ninguém melhor do que o próprio povo para saber o que é esperar na fila de uma unidade de saúde, lidar com essa situação de pandemia nas escolas… Ninguém melhor do que a mulher, com toda a sua sensibilidade, para entender todo esse contexto e tomar as melhores decisões”.

POLÍTICAS PÚBLICAS

Herikson Locatelli afirma que o partido traça políticas públicas voltadas para o cooperativismo e o fortalecimento da economia local, a partir dos pequenos empreendedores. Atual presidente do Sindserv, ele acrescenta que o projeto inclui também a valorização do funcionalismo público municipal; o desenvolvimento econômico, citando cultura, comércio, turismo e agricultura; e a revisão tributário visando o aumento da arrecadação municipal.

O presidente do PV explicou que a decisão foi tomada depois de entendimento com Welington Secundino, que era o candidato a prefeito homologado em convenção. Disse que, em virtude da saúde frente à pandemia de covid-19 e o novo cenário, Welington abriu mão da candidatura, mantendo-se à disposição do PV com seu “capital político e técnico”.  

“Nós queremos ser uma opção nas urnas, sem nenhum vínculo com nenhuma força empresarial que ninguém que injeta dinheiro, sem nenhuma amarra. A gente quer falar uma política de justiça social, e a gente consegue fazer isso, uma vez que a maioria das pessoas envolvidas no PV são pessoas comuns, simples, que querem o bem do Município”, frisou Herikson na entrevista ao CENSURA ZERO.

A chapa majoritária Cida Negris e Jarilson Lopes será apresentada oficialmente neste domingo (27/09), em live na fanpage oficial do PV São Mateus.

CIDA NEGRIS

Cida Negris é casada há 31 anos com o dramaturgo e produtor cultural Oscar Ferreira, e tem um filho. É atriz, produtora cultural, professora, pós-graduada em Docência do Ensino Superior, bacharela em Turismo, técnica em Contabilidade e Administração, artesã, ceramista, escultora e instrutora de yoga. Ao lado de Oscar, Cida gerencia o Espaço Marerike, em Guriri.

“Ela é a única atriz capixaba premiada na história do Festival Nacional de Teatro (Fenate), de São Mateus”, acrescenta Herikson Locatelli.  

CENSURA ZERO – AQUI TEM CONTEÚDO! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA

COMENTE ESTA NOTÍCIA!