Galvão Bueno desiste da aposentadoria e assina com empresa de Felipe Neto

96

Galvão Bueno, 71, desistiu da ideia de se aposentar das transmissões de jogos após a Copa do Qatar 2022, no fim deste ano, quando deixa a Globo após 41 anos. Ele assinou contrato com a Play9, empresa de Felipe Neto e João Pedro Paes Leme, para produzir conteúdo para diversas plataformas digitais.

Felipe comemorou no Twitter a chegada de Galvão na Play9. “Olha o que ele fez! Olha o que ele fez”, escreveu imitando um dos bordões do narrador.

“Galvão Bueno agora é Play9. É o início de uma história que ficará marcada no entretenimento. A partir do ano que vem, Galvão será digital. E pra quem achava que seria o fim de suas narrações: nem pensar Seja bem-vindo, ídolo”, completou.

O narrador esportivo também comemorou nas redes esse novo desafio na carreira. “Bora para mais esse desafio! Toco y me voy! O início de uma nova história! Será uma honra! Obrigado e um abraço Felipe Neto! Haaaja coração! Aguardem”, escreveu Galvão no Twitter.

EX-DIRETOR DA GLOBO

Galvão falou ainda da oportunidade de voltar a trabalhar com Paes Leme, ex-diretor da Globo. “O JP [Paes Leme] foi repórter em centenas de transmissões comigo, foi correspondente internacional e depois meu diretor na Globo. Admiro muito a transição que ele fez lá atrás enxergando as oportunidades do mercado digital. Era natural que esse projeto fosse feito em parceria com a Play9”.

Galvão é um dos últimos salários milionários da Globo, mas a última renovação de seu contrato, após a Copa da Rússia, já foi feita em bases mais modestas para os cofres da emissora. Para compensar um aumento de salário menor, a Globo abriu aos seus locutores e comentaristas a possibilidade de eles participarem de campanhas publicitárias, o que era vetado até então.

CENSURA ZERO – AQUI TEM CONTEÚDO! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA | COM INFORMAÇÕES DO SITE ‘NOTÍCIAS AO MINUTO’

COMENTE ESTA NOTÍCIA!