IDENTIDADE PROFISSIONAL – Encoraje iniciativas

413

Por Adriana Barbosa*

Costumamos achar que nossas ideias são ‘brilhantes’ e devem ser absorvidos pelos gestores. E quando isto não acontece surge um certo desânimo. Mas, muitas vezes, somos limitados na visão corporativa futura e não compreendemos o porquê daquela nossa iniciativa não ter sido aceita.

O fato de termos uma ideia que consideramos muito boa, pode não ser o momento de aplicá-la na organização e, isto, não deve ser um fator desmotivador. No papel de colaborador é importante buscarmos identificar oportunidades de melhoria para os processos.

É óbvio que a iniciativa é um claro sinal de motivação. Se temos um gestor ou um líder que libera este poder à equipe, além de ter em sua organização um ambiente em que as pessoas reconhecem o seu próprio valor, os colaboradores sentem-se estimulados a trazerem novas ideias que venham contribuir com os bons resultados da organização.

Uma das minhas sugestões é que o gestor entenda a importância de permitir que os colaboradores manifestem suas próprias iniciativas. E quando receber uma sugestão não perca tempo e agradeça. Caso não seja possível a implementação explique o motivo e, oportunamente, incentive para que o colaborador busque outras iniciativas.

*Adriana Barbosa é Coach e Palestrante Motivacional, Diretora da Ame Coaching. Contatos: (27) 99634-7610

COMENTE ESTA NOTÍCIA!