Mãe morre e filha fica ferida após queda em brinquedo de parque de diversões

630

Uma mulher identificada como Mirian de Oliveira, de 38 anos, morreu e a filha dela, de 8 anos, ficou gravemente ferida após as duas caírem de um brinquedo em um parque de diversões, localizado em Itaipava, no balneário de Itapemirim, no Sul do Espírito Santo. 

De acordo com informações do delegado de plantão Thiago Gomes Viana, a alavanca que controla a velocidade do brinquedo se soltou, o que ocasionou o acidente, que levou à interdição do local.

Ainda segundo informações do delegado, o acidente aconteceu no início da noite de sábado (1º/02), por volta das 20h. O brinquedo conhecido como ‘surf’, que faz rotação em 360º, teria começado a girar em alta velocidade, quando as duas vítimas foram arremessadas.

Testemunhas contaram para polícia que a mãe teria caído primeiro, sendo atingida pelo próprio brinquedo. Logo depois, a criança também sofreu a queda, sendo jogada pelo lado contrário da mulher. A menina foi levada com vida, porém em estado grave, ao Hospital Infantil de Cachoeiro de Itapemirim. Até o momento, não há informações sobre o estado de saúde dela.

DONO DO PARQUE É PRESO

O delegado plantonista disse ainda que o marido da mulher, pai da criança, teria assistido ao acidente e ficou desesperado. O parque funcionava havia cerca de 30 dias na cidade. O dono do parque e um funcionário que operava o brinquedo no momento do acidente acabaram presos por homicídio culposo e lesão corporal. 

A mulher morava com a família no município de Viana. A família estaria no local a passeio. O corpo da vítima foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) de Cachoeiro, onde deve ser feito exames cadavéricos. 

CENSURA ZERO – AQUI TEM CONTEÚDO! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA | FONTE: FOLHA VITÓRIA

COMENTE ESTA NOTÍCIA!