PEDRO CANÁRIO – Três suspeitos morrem ao trocar tiros com a PM em ação contra o tráfico de drogas

632

Três suspeitos foram mortos numa operação de combate ao tráfico de drogas em Pedro Canário. O registro foi feito na tarde dessa segunda-feira (28/11), por equipes da 3ª Companhia do 13º Batalhão da Polícia Militar e divulgado nesta terça (29) à Imprensa.

Segundo o boletim de ocorrência, a PM recebeu a informação de que três envolvidos com o tráfico de drogas estariam abrigados numa propriedade rural, portando diversas
armas de fogo. “Os policiais militares se dirigiram ao local indicado, sendo este de difícil acesso, por ser uma área muito de mata, com vários alagadiços”, frisa o documento policial.

Conforme a denúncia, os criminosos estariam preparando, para venda, vários tipos de drogas, além de estarem fazendo disparos de arma de fogo na região, tentando afastar curiosos. Em diligência no local, os militares locaram uma uma barraca de camping, com colchões, uma capa de colete balístico e diversos itens de consumo, não sendo localizado nenhum suspeito.

Numa das diversas trilhas utilizadas pelos criminosos, foi identificado um segundo ponto de apoio, também sem integrantes, no qual os policiais encontraram um detector de metais (profissional MD5008), uma armadilha “tipo canhão” calibre 12 (armada para acionamento), um cartucho de mesmo calibre nas proximidades do acampamento, uma barraca de camping e diversos itens de consumo.

TROCA DE TIROS E MORTES

Ainda de acordo com o boletim de ocorrência, a patrulha policial deu continuidade às buscas, sendo necessário passar para a parte oposta de um rio existente no local para chegar ao terceiro ponto de apoio dos suspeitos.

Os militares encontraram um suspeito, que, ao receber ordem de prisão, abriu fogo contra os policiais, que revidaram os tiros. O suspeito caiu ferido, tendo nas mãos uma pistola Taurus com um carregador com capacidade para 18 munições. Oito estavam intactas e havia uma na câmara. “Posteriormente o criminoso foi identificado, e contra si existiam mandados de prisão pelo crime de homicídio”, destacou a PM.

Quando tentava buscar socorro para o suspeito ferido, os policiais foram surpreendidos com uma tentativa de emboscada feita por outros três suspeitos armados. Houve nova contra de tiros e dois criminosos acabaram atingidos; o terceiro conseguiu fugir.

Conforme o boletim de ocorrência, um dos feridos foi identificado como um dos gerentes da quadrilha, responsável pelo tráfico de drogas no Bairro Santa Rita, em Pedro Canário, sendo suspeito de ter participado de um triplo homicídio no ano de 2020, no Bairro Camata, também em Pedro Canário.

A Polícia Militar afirmou que esse gerente do tráfico tinha pistola calibre 380 de numeração raspada, com capacidade para 18 munições. Havia 13 munições intactas: uma na câmara e 12 no carregador. No bolso dele, foi encontrado um carregador reserva, contendo 14 munições intactas. Os dois suspeitos não resistiram aos ferimentos e morreram no local.

Os agentes fizeram contato com a perícia da Polícia Civil, que recolheu os corpos para o Serviço Médico Legal de Linhares. A Polícia Militar apreendeu, ao todo, 72 pedras de crack; 36 papelotes de cocaína; 1 bucha grande de maconha; 1 carregador de pistola contendo 21 munições intactas de calibre 380; 16 munições avulsas de calibre 380; 4 aparelhos celulares; e 1 balança de precisão.

CENSURA ZERO – AQUI TEM CONTEÚDO! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA

COMENTE ESTA NOTÍCIA!