Polícia procura tarado da Biz que vem agindo em Guriri; duas jovens denunciaram casos de assédio sexual

534

A polícia está à procura de um homem que tem assediado sexualmente mulheres no Balneário de Guriri, em São Mateus, a bordo de uma motocicleta tipo Biz. Dois casos foram registrados nesta segunda-feira (11/11).

Segundo a Polícia Militar, a primeira ocorrência foi registrada na Rua Nova Venécia, às 16h29. A vítima, uma jovem de 22 anos, relatou que caminhava próximo ao Tucano’s Bar, quando um indivíduo moreno, de estatura mediana, sem camisa e de bermuda verde fluorescente, passou em uma motocicleta Biz, de cor cinza.

A jovem relatou aos policiais que atenderam à ocorrência que percebeu que o homem estava se masturbando enquanto conduzia o veículo. “Após passar ao lado da vítima, o suspeito teria retornado e descido da motocicleta, andando na direção da vítima”, destaca o boletim de ocorrência. “Ao perceber a intenção do suspeito, a vítima correu para se proteger de um possível estupro”, complementa a PM.

OUTRO CASO

O outro caso de assédio sexual envolveu uma jovem de 18 anos. O registro policial foi feito às 19h26 desta segunda-feira (11/11), mas, segundo a mulher, ocorreu no final da manhã. Por volta das 10h50, ela estava na Rua Mantenópolis quando um homem com características semelhantes ao do outro registro – moreno e com camisa cinza – se aproximou dela numa motocicleta tipo Biz.

A vítima relatou que percebeu que o indivíduo estava se masturbando enquanto olhava para ela. “Com medo, a vítima correu e pediu socorro a algumas pessoas que estavam próxima ao local”, relata o boletim de ocorrência, destacando que o suspeito fugiu em direção à Rua 9, em Guriri.

A PM pede a outras possíveis vítimas do tarado que denunciem os ataques. Quem tiver informações que possam levar ao suspeito devem acionar o telefone 191 da Polícia Militar. A ligação é gratuita e o sigilo é garantido.

CENSURA ZERO – AQUI TEM CONTEÚDO! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA

COMENTE ESTA NOTÍCIA!