Polícia resgata mulher que era mantida refém pelo ex-marido no sul do ES

471
FOTO REDES SOCIAIS - Segundo a família, Viviane dos Santos Scherrer, 43 anos, e Thiago de Lima Costa, 36 anos, estão separados há duas semanas depois de viverem juntos por cerca de um ano e meio.

A monitora de transporte escolar Viviane dos Santos Scherrer, de 43 anos, sequestrada pelo ex-marido Thiago de Lima Costa, 36, em Itapemirim, na região Sul do Estado, foi resgatada no fim da manhã deste sábado (14/09). Ela estava numa casa abandonada em um sítio localizado na Comunidade de Córrego do Ouro, na zona rural do município. A mulher foi libertada por volta das 11h30.

Segundo as primeiras informações da polícia, o homem que a mantinha refém fugiu para uma mata nas proximidades da residência onde eles estavam. Ele ainda não foi localizado.

De acordo com o delegado de Itapemirim Djalma Pereira Lemos, a polícia vai solicitar apoio de uma das aeronaves do Núcleo de Operações e Transportes Aéreo (NOTAer) para localizar o sequestrador.

Ainda segundo Lemos, cerca de 30 policiais, entre civis e militares, participaram da operação que libertou a monitora.

A mulher foi encaminhada para o Hospital Evangélico, antigo Santa Helena. Logo depois, ela seria levada até ao Departamento Médico Legal (DML) para realizar exames de corpo e delito.

O SEQUESTRO

O sequestro aconteceu por volta de 11h30 de sexta-feira (13/09). Viviane estava trabalhando na comunidade de Santo Amaro, na zona rural do município, quando o veículo onde estava foi interceptado por uma Saveiro branca. De dentro do carro saiu Thiago, armado, que ordenou que a mulher saísse da van.

De acordo com a filha mais velha de Viviane, o ex-padrasto é uma pessoa boa, mas começou a proibir a mãe de sair e passou a demonstrar ciúme excessivo. Isso motivou o fim do relacionamento.

Segundo a família, Viviane e Thiago estão separados há duas semanas. Eles estavam juntos havia cerca de um ano e meio. Antes do sequestro, o homem já havia ameaçado matar a ex-mulher e suas duas filhas, de 13 e 21 anos.

CENSURA ZERO – AQUI TEM CONTEÚDO! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA | FONTE: TRIBUNA ONLINE

COMENTE ESTA NOTÍCIA!