SAÚDE FLORESCER – Autoconhecimento e Saúde

381

POR DÔRA NEVES*

Saúde mental significa ter o equilíbrio EMOCIONAL e MENTAL para lidar com as exigências internas e externas da vida.

Exigências internas estão relacionadas com o nosso modo de ser e de vê a vida, as exigências externas têm a ver com os desafios do cotidiano. Como nos sentimos e agimos diante da vida.

As regras básicas são:

-Ser autorresponsável e gerir a própria vida.

-Estar bem consigo e com os outros.

-Aceitar os problemas como oportunidades de crescimento.

-Saber lidar com emoções de polaridade positiva e negativa.

-Reconhecer os limites e declarar guerra contra eles.

-Buscar ajuda sempre que necessário.

DICAS PARA VIVER BEM E COM SAÚDE EMOCIONAL

-Pense em si. Viva a vida e coloca-se em primeiro lugar nas suas escolhas.

-Pense no que o/a faz feliz e o que o deixa triste. Assuma a rédea da sua vida, pense nos seus objetivos e faça por alcançá-los.

-Conviva socialmente. É positivo e saudável manter ativo o seu interesse social. Ter grupos de pessoas com quem regularmente se junta para conversar, divertir, discutir ideias, defender uma causa em que acredita.

-Foque nos seus objetivos. Assuma a responsabilidade da sua vida e não culpe os outros por não fazer acontecer o que sabe que é o melhor para VOCÊ.

-Seja tolerante consigo e com os outros. As pessoas que erram ou se enganam e conseguem assumir isso são mais equilibradas emocionalmente. Não se condenam nem se atormentam e também não o fazem com os outros.

-Seja flexível e aberto à mudança. Pessoas saudáveis e maduras emocionalmente não têm regras e idéias fixas e rígidas. As suas idéias são flexíveis, abertas e preparadas para a mudança. Não são fanáticas na forma como expõem as suas idéias e respeitam quem pensa de forma diferente.

-Aceite que não pode ter tudo sobre controlo. Vivemos num mundo de possibilidades e em constante mudança, onde não podemos ter certezas absolutas. As pessoas sãs mentalmente não vêm isso como uma verdade aterradora, mas sim com expectativa. Gostam que haja alguma ordem mas não precisam de ter a certeza exata sobre como será o futuro e o que lhes vai acontecer a seguir.

-Diversifique os seus interesses. É saudável que a pessoa realizem atividades extra-trabalho. Há quem se sinta bem melhorando as suas competências pessoais e diversificando os seus interesses e hobbies, há outros que se sentem mais realizados e gratificados a ajudar os outros e a fazer atividades humanitárias.

-Aceite-se como você é. As pessoas saudáveis mentalmente alegram-se por estar vivas. Aceitam-se como são, com as suas qualidades e defeitos.

-Assuma riscos. Por vezes é mais fácil ficar na nossa zona de conforto, mesmo que insatisfeitos, do que arriscar e ir por um caminho diferente. Avalie os pontos positivos e negativos. As pessoas emocionalmente sãs têm mais facilidade em arriscar e tentar fazer diferente, mesmo quando sabem que há possibilidade de fracassar.

-Assuma a responsabilidade na alteração dos seus sentimentos, pensamentos e emoções. As pessoas saudáveis mentalmente aceitam grande parte da responsabilidade na alteração de seu humor. Não responsabilizam os outros para se defenderem sobre o que acontece nas suas vidas.

Realize esta atividade:

-Tem facilidade em gerir os seus sentimentos, pensamentos e emoções?

-Liste quais são as situações que desencadeiam em si mais emoções positivas.

-Faça o mesmo para as negativas. Com que frequência acontecem essas situações?

-No teu dia a dia tem mais pensamentos positivos ou negativos?

-Tem facilidade em alterar os seus pensamentos negativos?

-O autoconhecimento pode levar você a patamares jamais imaginado.

Arisque-se!

*Dôra Neves é formada em Psicanálise Clínica, licenciada em Pedagogia (Supervisão e Orientação) e Terapia Holística.

Contatos: Celular – (27) 98134-3908

Site – saudeflorescer.com.br/site/atendimento-online

CENSURA ZERO – AQUI TEM CONTEÚDO! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA

COMENTE ESTA NOTÍCIA!