Transexual denuncia tortura e estupro durante ação policial

686

Uma transexual de 31 anos afirmou ter sido espancada e violentada por dois policiais militares da Rondas Ostensivas Táticas (Rotam), unidade operacional de elite da PM ao sair de um shopping em Goiânia-GO no último sábado (31/08).

Segundo o documento enviado pela advogada Gislaine Carvalho, que denunciou a violência policial à Comissão de Direitos Humanos (CDH) da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Goiás, a costureira, que está presa, sofreu “espancamento, afogamento, foi amarrada e violentada com um cabo de vassoura”.

A advogada, que é membro da Comissão de Direitos Humanos da OAB Seciconal Goiás, contou que, ao chegar na delegacia, “se atentou de longe que ela estava estava bastante machucada”. Gislaine ainda disse que não conheceu a namorada da vítima, contratante do serviço.

“Quando ela chegou até mim na delegacia, ela falou que tinha sofrido algumas coisas e perguntei se ela queria novamente fazer o exame de corpo de delito, ela disse que não era pra fazer, deixar isso pra lá”, conta.

AGRESSÕES CONSTATADAS

De acordo com a advogada, nesse domingo (01/09), dia da audiência de custódia, a escolta prisional se recusou a levá-la. “Foi neste momento que eles pediram um novo exame, onde foram constatadas as agressões”, lembra. À reportagem, Gislaine disse a denúncia tem o objetivo de fazer com que “a verdade seja de fato esclarecida”.

A denúncia, formalizada pela advogada, relata que, durante a abordagem, os policiais ordenaram que a transexual entregasse “armas e drogas” aos agentes. À CDH, a advogada contou que a costureira, 31, respondeu que “não sabia do que se tratava”.

“Em seguida ela foi levada para uma casa, supostamente abandonada, onde passaram a praticar maiores atrocidades.” À reportagem, a defesa da vítima disse ainda que os policiais que participaram da ação “ameaçaram a vítima para que não relatasse a violência sofrida”.

CENSURA ZERO – AQUI TEM CONTEÚDO! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA | COM INFORMAÇÕES DO SITE METRÓPOLES

COMENTE ESTA NOTÍCIA!