FATOS & VIDA – Para de bater em portas que Deus já fechou!

826

POR LUCINETE OLIVEIRA*

LUCINETE OLIVEIRA, professora

Nossa vida precisa seguir adiante, às vezes, Deus fecha determinadas portas na nossa cara, só para ver se acordamos. Mas continuamos ali, chorando e pedindo, sem querer entender, ou até mesmo aceitar que não é uma punição, mas, sim, um livramento ou uma oportunidade que Ele encontrou de nos abrir outra ainda melhor.

Mas continuamos a bater e pedir! E apesar disso, Ele não abrirá, pois se abrir, ou se estivesse mantido a tal porta aberta, muitos de nossos projetos de vida não seriam concretizados. Por isso, para de bater em portas que Deus já fechou! Ele não vai abrir, Deus não se comove com nossos caprichos.

Existem portas fechadas que, mesmo com todos os nossos esforços, não serão abertas, pois não é o melhor para nós. Deus quer nos libertar de certos entraves disfarçados de portas abertas. A intenção Dele não é nos castigar. Precisamos entender o momento de fechar certas portas e seguir a vida, mudar de caminho, pois ficar parado, insistindo em uma situação que não nos mantém vivos, nos sufoca e não chegaremos a lugar algum.

Precisamos manter certas portas fechadas, pois a porta que Deus abre, ninguém fecha; e a porta que Ele fecha, ninguém abre. E, diante de movimentos constantes de busca, somos forçados a mudar, olhar para outras portas, onde entra o diálogo; necessidade de conviver, interagir.

Com isso, vêm mudanças de comportamentos, de pensar sobre o andamento do mundo, da vida, e na busca sobre a formação e existência humana, um despertar para suas crises existenciais e interpretações de ideias. E isso surge com o diálogo, instrumento de interação e evolução humana, que tem a capacidade de nos ensinar a trocar conhecimentos, expressar pensamentos, discutir conflitos e conviver com as tradições, contradições e mudanças.

Tudo isso nos faz enxergar outras portas, outras possibilidades, outras formas de ver e refletir a vida, pois poucas coisas são tão importantes como o ato de recomeçar.

*Lucinete Oliveira é Professora. Graduada em Ciências Contábeis e Pós-Graduada em Gestão e Educação Ambiental, Educação Especial e Inclusiva e Políticas de Inclusão. Atualmente, cursa Licenciatura em Educação do Campo na Ufes.

Contatos: E-mail: lucinete_oliva@hotmail.com

CENSURA ZERO – AQUI TEM CONTEÚDO! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA

COMENTE ESTA NOTÍCIA!