Faxineira é assassinada com golpes de faca pelo patrão ao cobrar por serviço

386

Uma faxineira de 30 anos foi assassinada com golpes de faca no sábado (10/08), em São Paulo. De acordo com informações passadas pela polícia, as circunstâncias do crime ainda não foram esclarecidas.

Por nota, a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo declarou que o autor, de 68 anos, se apresentou espontaneamente na delegacia e contou que agiu em legítima defesa, pois a vítima estava tentando roubar sua casa.

De acordo com informações passadas pela família da vítima identificada como Miriã Angelino de Jesus, a diarista já havia prestado serviço para a família várias vezes. Após o serviço, o homem teria pedido que Miriã voltasse à noite para receber o pagamento.

Por volta das 21h, a vítima teria retornado à residência sozinha para receber o dinheiro. Entretanto o morador teria se recusado a pagá-la, dando início a uma  discussão e em um determinado momento, o suspeito teria ferido a moça com golpes de faca.

FORJOU ASSALTO

Segundo a tia de Miriã, o homem teria forjado uma tentativa de assalto à residência. À GCM, o homem contou que homens teriam invadido sua casa para roubá-lo. Em luta corporal, ele teria desarmado um dos suspeitos e o atingido com golpes de faca. O segundo teria fugido. Ao voltar ao local do crime, os policiais encontraram uma mulher sem vida com ferimentos no chão da cozinha.

Em depoimento, o suspeito teria apresentado uma segunda versão do ocorrido, na qual admite que reconheceu Miriã como a faxineira, que estava em sua casa, horas antes da suposta tentativa de assalto.

O caso foi registrado como homicídio simples na delegacia de Santana de Parnaíba. Como o suspeito não fugiu da cena do crime, prontamente comunicou as autoridades sobre o ocorrido e como tem endereço fixo, ele foi liberado.

CENSURA ZERO – AQUI TEM CONTEÚDO! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA | FONTE: RECORD TV

COMENTE ESTA NOTÍCIA!