IDENTIDADE PROFISSIONAL – Comunicação: uma vivência diária

336

POR ADRIANA BARBOSA*

Como sabemos, uma empresa é composta por pessoas diferentes, com cargos e funções diferentes e com diversos níveis hierárquicos. Este grupo de pessoas está em constante interação e esta interação é feita através de uma comunicação intensa.

O fato é que a comunicação nem sempre é um sucesso nas organizações. Mas é bom lembrar que a comunicação é a transferência de informação entre as pessoas. É impossível uma empresa sobreviver sem a comunicação, pois é este fator que integra todas as partes de uma organização.

Ocorre que a comunicação entre as partes pode sofrer interferências e alterações de acordo com a pessoa que emite ou recebe a informação, podendo inclusive desencadear problemas para a organização. Isto pode ocorrer exatamente porque as pessoas são diferentes, possuem seus valores pessoais, suas motivações, seus sonhos e suas próprias percepções.

Cada pessoa tem um filtro, que codifica a informação recebida e condiciona a aceitação. Ou seja, o que informamos pode ter diferentes percepções dependendo de quem recebe. É importante analisar a comunicação e como pode ser melhorada junto aos colaboradores, aperfeiçoando cada vez mais os processos.

Comunicar é passar informações, mas também é saber ouvir e ver. Esta parceria de enviar, receber, ouvir e ver informações é o canal mais adequado para melhorar substancialmente a motivação dos colaboradores. No dia a dia é importante harmonizar a convivência por meio da comunicação fazendo com que cada um na organização seja a melhor pessoa que pode ser.

Comunicação não é o que você fala, mas o que o outro compreende do que foi dito (Claudia Belucci).

*Adriana Barbosa é Coach e Palestrante Motivacional, Diretora da Ame Coaching. Contato: (27) 99634-7610

CENSURA ZERO – AQUI TEM CONTEÚDO! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA

COMENTE ESTA NOTÍCIA!