Polícia Ambiental apreende armas e detém assaltantes em Nova Venécia e São Mateus

375

Agentes da 3ª Companhia do Batalhão de Polícia Militar Ambiental (3ª Cia do BPMA) apreenderam armas de fogo e animais silvestres que estavam sendo mantidos irregularmente em cativeiro. As operações ocorreram na zona rural de Nova Venécia e São Mateus. As informações são da Assessoria de Comunicação da PMES.

No bairro Cedrolândia, em Nova Venécia, após receberem uma denúncia anônima, que dava conta de que, naquela localidade, diversas pessoas estavam praticando crime ambiental de caça e estariam mantendo animais silvestres em cativeiro, militares flagraram inúmeros pássaros em gaiolas penduradas na varanda do local denunciado. Ato contínuo, a equipe verificou que os pássaros não possuíam anilhas de registro junto ao órgão ambiental, configurando o crime ambiental previsto no artigo 29, parágrafo 1º, inciso II, da Lei 9.605/98.

Ao todo, foram apreendidos um trinca-ferro, cinco coleiros, cinco gaiolas de madeira, uma gaiola de ferro e um alçapão. Foi confeccionado um Termo Circunstanciado Ambiental para um homem de 34 anos, que se comprometeu em comparecer perante o juízo da Comarca de Nova Venécia quando intimado.

Na comunidade de Santa do Pipinuck zona rural de Nova Venécia, militares seguiram para verificação de outra denúncia anônima de crime de caça. Um homem confirmou possuir arma de fogo sem a devida documentação legal, sendo apreendida uma espingarda calibre 22. A arma apreendida e detido foram encaminhados ao departamento policial de São Mateus.

SÃO MATEUS

Enquanto estavam na Delegacia de São Mateus confeccionando documentos relativos ao flagrante oriundo da cidade de Nova Venécia, militares do BPMA ouviram uma transmissão via rádio, veiculada pelo Centro de Operações e Controle do 13º Batalhão informando às viaturas de serviço de que vários indivíduos estariam próximos da Ponte na BR 101, na saída de São Mateus para Conceição da Barra, tentando assaltar pedestres que transitavam pela região.

Imediatamente, os policiais seguiram para o local para tentar localizar os supostos infratores. Dois suspeitos foram abordados e, após buscas na região, foi encontrada uma pistola calibre 32 carregada com cinco munições do mesmo calibre. A arma foi dispensada pelos infratores minutos antes da abordagem.

Além do armamento e dos dois infratores, foi apreendida também uma bicicleta de cor preta utilizada por um dos abordados, além de um aparelho celular. Os suspeitos e o material apreendido foram entregues do DPJ de São Mateus paras as providências da polícia judiciária.

DENÚNCIAS ANÔNIMAS

O comandante da 3ª Companhia de Polícia Militar Ambiental, capitão Fabrício Pereira Rocha, ressalta a importância da participação da comunidade, por meio de denúncias anônimas.

“Com base nas denúncias anônimas realizadas pela população capixaba e encaminhadas pelo Serviço Disque Denúncia 181, a Terceira Companhia Ambiental conseguiu efetuar a apreensão de 14 armas de fogo nos meses de julho e agosto de 2020, armas estas que não são utilizadas somente para o cometimento de crimes ambientais, mas também para cometer crimes como homicídio, feminicídio, latrocínio, roubos, dentre outros crimes”, ressalta o oficial.

Para realizar denúncias de crimes ambientais, a população pode ligar para o telefone 181 (Serviço Disque Denúncia), ou acessar o site www.disquedenuncia181.es.gov.br. Não é necessário se identificar e o anonimato é garantido.

CENSURA ZERO – AQUI TEM CONTEÚDO! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA   

COMENTE ESTA NOTÍCIA!