‘Vi nos olhos do meu neto o pavor’, revela mãe de Eliza Samudio sobre saída de Bruno da prisão

EM ENTREVISTA, SÔNIA DE FÁTIMA MOURA DESTACOU: "NEM IRIA FALAR PARA O BRUNINHO (DO SEMIABERTO), ESTAVA AGUARDANDO O MELHOR MOMENTO. MAS ACONTECE DE ELE VER O JORNAL"

332
REPRODUÇÃO/REDE TV - Em entrevista ao Uol, Sonia de Fátima Moura contou: “Nem iria falar para o Bruninho (do semiaberto), estava aguardando o melhor momento, mas aconteceu de ele ver o jornal”.

Em entrevista ao portal de notícias Uol, Sonia de Fátima Moura, mãe de Eliza Samudio e avó de Bruninho, revelou que o neto está com medo após saber que o pai, o goleiro Bruno, foi autorizado a sair da prisão em regime semiaberto. Segundo relato da avó, Bruninho sabe de toda a história e não tem vontade de voltar a ver o pai.

“Nem iria falar para o Bruninho (do semiaberto), estava aguardando o melhor momento, mas aconteceu de ele ver o jornal. Foi um dia difícil para mim e para ele. Vi nos olhos do meu neto o pavor de saber que o assassino de sua mãe estava sendo solto”, afirmou Sonia.

Durante a entrevista, Sonia ainda contou: “Ele fala bem pouco do Bruno. O pai é o assassino da mãe. Ele sabe da história de sua vida e que, se não fosse a mão de Deus, ele também teria o mesmo fim da mãe”.

Indagada se haveria a possibilidade de entrar na Justiça com um recurso solicitando a volta de Bruno ao regime fechado, Sonia afirma que não há. Ela ainda revela: “Bem que eu gostaria. Mas meu desejo maior é saber o que eles fizeram com o corpo dela. Aliás, um desejo nosso. Meu e do Bruninho”.

CENSURA ZERO – AQUI TEM CONTEÚDO! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA

COMENTE ESTA NOTÍCIA!