POR ANDRÉ OLIVEIRA*

“Jesus Cristo ontem e hoje é o mesmo, e o será para sempre.” Hebreus 13.8

Esta passagem bíblica maravilhosa tem um conteúdo impressionante. Ela testifica que Jesus Cristo, que derramou Seu sangue em nosso favor na cruz do Calvário para perdão dos nossos pecados, nunca muda.

Ontem, hoje e em toda a eternidade, Ele é o mesmo que sempre foi, também no que diz respeito ao Seu ilimitado poder sobre o pecado, a morte e o diabo. Nossas aflições, temores e covardia vêm porque não conseguimos vencer os poderes das trevas ao nosso redor.

Por isso, há muita gente frustrada, confusa, acanhada, tímida, fragilizada… No tocante às coisas desse mundo e, especialmente, às da fé. Os filhos de Deus de fato não têm que lutar contra “o sangue e a carne, e, sim, contra os principados e potestades, contra os dominadores deste mundo tenebroso, contra as forças espirituais do mal, nas regiões celestes”. 

Isto é, temos uma batalha diária a ser travada no campo espiritual, independentemente do que nos espera nesse tempo, nas nossas atividades enquanto seres humanos nos diferentes setores. A visão de que a nossa luta é espiritual deve estar permanentemente sob o nosso alcance e domínio!

E melhor: sempre devemos ter consciência de que o mais forte está do nosso lado: Jesus Cristo! Ele é hoje como sempre foi em todos os tempos – muito maior do que qualquer poder que possa nos oprimir – e assim também Ele será em toda a eternidade.

A grandeza de Jesus é tão absoluta que nada, a não ser Deus, o Pai, O supera. Para aquele que crê, portanto, não existe poder algum que o possa oprimir que Jesus já não tenha há muito derrotado pela Sua obra consumada na cruz do Calvário!

*André Oliveira é jornalista e radialista, cristão membro da Igreja Universal do Reino de Deus em São Mateus-ES.

COMENTE ESTA NOTÍCIA!