Prefeitura de São Mateus gasta, sem licitação, mais R$ 46.700,00 com festas neste fim de semana; siga o dinheiro público!

835

A gestão do prefeito Daniel Santana realiza neste fim de semana mais uma etapa de festas comunitárias custeadas com dinheiro público, sem ser ‘incomodada’ pelo Ministério Público. A contratação de shows de cantores e bandas, sem licitação, é feita por meio da Secretaria Municipal de Turismo.

Nesta semana, foram contratados mais 11 shows de cantores e bandas, com valores individuais entre R$ 1.800,00 e R$ 5 mil. O gasto total chega a R$ 46.700,00, incluindo as despesas com o Auto de Natal, no Centro de São Mateus: R$ 17.000,00 (apresentação neste sábado e também nos dias 21 e 22/12).

Por serem produções artísticas, a modalidade ocorre na modalidade inexigibilidade de licitação. Isso ocorre quando a licitação não é possível devido à chamada “inviabilidade de competição”. 

O primeiro evento bancado com dinheiro público da semana foi realizado na quinta-feira (12/12): Festa da EMEF Guriri.

SEIS SHOWS NESTE SÁBADO (14/12)

Neste sábado (14/12), há shows contratados para a Festa Popular e Cavalgada de Nova Lima, Festa da Associação de Micro e Pequenos Agricultores de Café e Pimenta, Festa do Assentamento Georgina – Córrego das Palmeiras e Festejos do Ceim Morada do Ribeirão, além do Auto de Natal, no Centro de São Mateus.

TRÊS SHOWS NESTE DOMINGO (15/12)

Neste domingo (15/12), músicos e bandas, com shows custeados pela Prefeitura de São Mateus, vão apresentar-se na Festa Popular e Cavalgada de Nova Lima, Festa da Associação de Micro e Pequenos Agricultores de Café e Pimenta, Festa do Projeto Beneficente Criança do Futuro Amanhã (Bairro Aroeira).

1 SHOW NA SEGUNDA-FEIRA (16/12):

A Secretaria Municipal de Turismo contratou um show para animar a Festa da Secretaria da Educação – EPM Córrego do Rancho – Sede, na segunda-feira (16/12).

VEJA TAMBÉM:

SOCORRO, MP! – Gestão Daniel gasta, sem licitação, mais R$ 45.500,00 com festas neste fim de semana; siga o dinheiro público!

EDITORIAL – Três questões que o Prefeito de São Mateus deve explicar: Contrato nº 131/2018 (Obras no Porto), resistência à Guarda Municipal e farra dos shows usando associações de moradores

GESTÃO DANIEL: Associação nega festa com autorização para contrato da Prefeitura e denuncia ‘show fantasma’ em São Mateus

Líder do Prefeito, Vereador Amaro diz que cobrança em festa com bandas contratadas pela Prefeitura foi ‘equívoco’

Carlos Alberto reforça denúncia sobre festa particular com bandas custeadas pela Prefeitura e cita caos na saúde em São Mateus

Presidente de associação diz que Prefeitura de São Mateus sabia da cobrança de entrada em festa ao fornecer shows e palco

Morador questiona Prefeitura de São Mateus por ‘cobrança indevida de entrada em festa pública no Bairro Litorâneo’

CENSURA ZERO – AQUI TEM CONTEÚDO! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA | FOTO ILUSTRATIVA

COMENTE ESTA NOTÍCIA!